Follow by Email

domingo, 1 de maio de 2011



DEPOIMENTOS
 Mário Sérgio Cortella: "Nunca saí da escola"
O filósofo fala sobre a importância de estar no meio acadêmico até hoje

Mário Sérgio Cortella soma 24 anos como aluno e 36 anos como professor
Faz mais de meio século que estou na escola! Já pensou? Entrei como pequeno aluno, aos seis anos de idade, e nunca mais saí. Desses 50 anos de educação escolar, usando termos de agora, um foi de Educação Infantil, nove de Ensino Fundamental (ainda não eram nove, mas fui reprovado uma vez...), três de Ensino Médio, três de curso superior (fiz os quatro da Filosofia em menos tempo), três de mestrado e cinco de doutorado. Então, no total como diretamente aluno somo 24 anos discentes.
 
No entanto, como comecei a dar aulas na universidade com 22 anos de idade, e parte da docência foi concomitante com a formação como mestre e doutor, somo 36 anos docentes... Mais de meio século de partilha de emoções, de fruição das convivências, de entristecimento eventual com os dissabores, de elevação da mente com informações e conhecimentos, de persistência nas dores e delícias, de robustecimento das competências, de preparação para proteger futuros, de alegria pela obra coletiva a partir das inspirações e ações também individuais. 
Não seria eu como agora sou sem essa trajetória, não seria como agora se nela não tivessem me acolhido.

Mário Sérgio Cortella é filósofo, mestre e doutor em Educação pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Nenhum comentário:

Postar um comentário